Como saber meu nível de inglês?

Há uma preocupação muito grande de pessoas que precisam conhecer qual é o seu nível de inglês para realizar graduação ou a pós no exterior, como também para viajar a negócios e frequentar reuniões e colóquios em que a conversação em inglês é permanente. Dessa forma, ter fluência no inglês é uma competência primordial para que um profissional seja capacitado e completo. A língua inglesa é uma das mais faladas do mundo e já é considerada essencial para quem deseja ingressar no mercado de trabalho. No entanto, é ainda muito pequeno o número de profissionais brasileiros que têm fluência em língua inglesa.

Para se ter conhecimento do nível de inglês, existem modalidades que se adaptam-se às necessidades de cada estudante, como o:

TOEFL

É um exame internacional TOEFL iBT  – Internet-Based O teste TOEFL é uma etapa fundamental e uma das certificações mais procuradas por aqueles que pretendem ingressar em universidades de países de língua inglesa. O exame avalia a habilidade do candidato em usar e compreender o idioma.

O IELTS

Sistema Internacional de Teste da Língua Inglesa é um exame internacional bastante reconhecido. O exame é organizado pelo British Council, pelo IDP: IELTS Austrália e pelo Cambridge English Language Assessment e tem a intenção de avaliar o nível de inglês do estudante. Esse exame é o mais solicitado pelas instituições internacionais de educação para classificar a proficiência na língua inglesa.

FCE

Cambridge English: First é um exame também conhecido como First Certificate in English – FCE – o exame é uma qualificação de nível intermediário superior que comprova se o estudante consegue usa o inglês, escrito e falado, para trabalhar ou estudar.

BEC

Os exames Cambridge English: Business Certificates são desenvolvidos para proporcionar habilidades práticas que auxiliam o aluno a obter sucesso em ambientes de negócios internacionais em que se fala inglês.

CPE

Cambridge English: Proficiency é um exame também conhecido como Certificate of Proficiency in English – CPE – que é uma qualificação mais avançada. O exame vai comprovar se o estudante atingiu um nível extremamente elevado em inglês.

Aulas particulares para subir de nível!

Em um mundo globalizado e com demasiados recursos tecnológicos, aprender inglês é muito natural. Mas, para quem já tem um bom nível da língua, o ideal é fazer aulas particulares para que a dinâmica entre professor e aluno aumente o conhecimento e estimule a conversação.  As aulas particulares são muito mais intensas, uma vez que se pode aprender muito em poucas horas por semana. Estudar, por exemplo, quatro horas por semana por um ano com um professor particular pode ser mais eficiente do que alguns anos estudando cursos feitos por semestre e com aulas semanais.

Há também alguns aplicativos com colaboram com o aprendizado e contemplam os mais variados níveis de conhecimento. Além disso, praticar a língua em situações corriqueiras do dia a dia é um ótimo recurso, como assistir filmes em inglês sem legendas, ouvir músicas e ler livros.  Por fim, expresse em inglês tranquilamente, sem medo de errar.

 

 

O que você achou desse post?
  • Poderia ter mais informações (0)
  • Útil (0)
  • Interessante (0)
  • Ótimo (0)

Deixe uma resposta