Aprender espanhol e inglês para o ENEM: dicas para não errar

Para alguns estudantes, o planejamento ainda é a melhor forma de preparação para uma prova.

Quando você se inscreve no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), tem duas opções para a prova de língua estrangeira: inglês ou espanhol.

Estudar espanhol para o ENEM

Ainda mais se essa prova é o ENEM, que abrange uma série de conteúdos que devem ser dominados pelos candidatos. Se você optou pelo idioma espanhol no ENEM, confira aqui algumas dicas do que não pode faltar no seu planejamento.

Dedicar um tempo para estudar as últimas questões de espanhol das últimas edições do exame é uma etapa que não pode faltar no seu planejamento. A Universia resumiu em um infográfico os tópicos mais cobrados nas questões de Espanhol. Veja:

espanhol-no-enem

As provas do Enem tratam de temas ocorridos em países de língua espanhola, por isso você deve se planejar para ficar sempre ligado às notícias dos países que falam espanhol e estudar às questões do próprio mundo hispânico.

Sites como El País, Clarín e La Nacion são ótimos para acompanhar as notícias da Espanha ou Argentina. Mas você não precisar ficar só nas notícias. Procure ler entrevistas, narrativas, historietas, charges, fábulas, novelas ou poemas.

Como são formuladas as questões para a prova de língua estrangeira do ENEM?

Para os professores que formulam as questões das provas de língua estrangeira do ENEM, a leitura de um texto pressupõe a interação do leitor com o texto.

No momento em que inicia a leitura, o candidato ativa seus conhecimentos prévios, levantando hipóteses e criando expectativas sobre os possíveis significados do texto que poderão ser confirmados ou não.

De acordo com a professora da Faculdade de Letras da UFMG, Regina Dell’Isola, existem três conceitos de leitura.

São eles:

  1. a leitura como fenômeno de identificação em que a informação textual deve ser ‘decifrada pelo leitor’
  2. a leitura como processo seletivo no qual o leitor é ativo e responsável pela construção de sentido do texto
  3. a leitura como processo interativo em que o leitor seleciona informações, elimina outras, cria novas relações, adiciona elementos e, finalmente, reconstrói o sentido do texto

De acordo com a proposta do ENEM, o terceiro conceito é o mais adequado.

As questões da prova do ENEM são baseadas em problemas que exigem dos candidatos não apenas a interpretação, mas também planejamento, execução e avaliação para a sua resolução. De forma que o participante deve se posicionar diante da questão, julgá-la e interpretá-la. Já as alternativas terão diferentes soluções, no entanto só uma será considerada como a solução ideal para o problema apresentado.

Como estudar espanhol para o ENEM?

A prova de espanhol do ENEM possui 5 questões, é aplicada no segundo dia do exame e vem em meio às outras 45 questões da prova de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias.

Considerando provas anteriores, é possível afirmar que, por meio de quadrinhos e pequenos textos, o exame cobrará dos candidatos algumas habilidades de leitura e interpretação.

Na hora de estudar, recomendamos que foque em:

  • Verbos
  • Substantivos homônimos
  • Advérbios
  • Artigos
  • Conjunções
  • Substantivos e adjetivos

Basicamente, o que o ENEM espera do candidato é que ele demonstre familiaridade com o idioma apresentado e que consiga associar palavras e termos em espanhol ao tema abordado em cada uma das questões.

Como estudar inglês para o ENEM?

Para os professores que formulam as questões das provas de inglês do ENEM, a leitura de um texto pressupõe a interação do leitor com o texto.

No momento em que inicia a leitura, o candidato ativa seus conhecimentos prévios, levantando hipóteses e criando expectativas sobre os possíveis significados do texto que poderão ser confirmados ou não.

De acordo com a professora da Faculdade de Letras da UFMG, Regina Dell’Isola, existem três conceitos de leitura.

São eles:

  1. a leitura como fenômeno de identificação em que a informação textual deve ser ‘decifrada pelo leitor’,
  2. a leitura como processo seletivo no qual o leitor é ativo e responsável pela construção de sentido do texto,
  3. a leitura como processo interativo em que o leitor seleciona informações, elimina outras, cria novas relações, adiciona elementos e, finalmente, reconstrói o sentido do texto.

De acordo com a proposta do ENEM, o terceiro conceito é o mais adequado.

As questões da prova do ENEM são baseadas em problemas que exigem dos candidatos não apenas a interpretação, mas também planejamento, execução e avaliação para a sua resolução.

De forma que o participante deve se posicionar diante da questão, julgá-la e interpretá-la. Já as alternativas terão diferentes soluções, no entanto só uma será considerada como a solução ideal para o problema apresentado.

Estratégia perfeita para você se dar bem na prova de idioma do ENEM

  • identifique a que gênero textual o texto pertence: charges, tirinhas, texto narrativo, notícia, entrevistas, poesia, entre outros. Esse procedimento ajuda muito no momento da interpretação.
  • pratique leitura: para poder reconhecer o gênero textual que vai cair na prova e também ampliar vocabulário, identificar tempos verbais e por ser um excelente exercício que vai ajudar o candidato a fazer uma interpretação mais adequada.
  • mantenha-se atualizado: as provas de inglês e espanhol do ENEM se pautam principalmente na interdisciplinaridade e traz textos contemporâneos. Nunca pense que uma prova não tem relação com outra. Elas se conectam, observe.

A parte do exame que contempla a língua estrangeira corresponde à “Competência de área 2” que visa avaliar o conhecimento da língua estrangeira como instrumento de acesso a informações e a outras culturas e grupos sociais.

Deu para perceber que para se sair bem na prova é preciso ler muito e sempre?

Se você não está com o seu Inglês ou Espanhol em dia, faça o curso na Ateneo Idiomas! 😉

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *